Marketing digital – só mais uma opinião

Tempo de leitura: 6 minutos

O que é o marketing digital? Muitas pessoas estão falando dele ultimamente, mas você sabe o que é isso? Como se trabalha com ele? E como obter os ganhos que porventura possam vir deste tipo de empreendimento?

Na grande maioria das vezes o marketing digital se mostra como uma luz no fim do túnel, uma oportunidade sem precedentes. Muitas pessoas afirmam que ganham horrores com ele e que não podiam ter investido em coisa melhor.

Mas será que o marketing digital é tudo isso mesmo?

Há relatos contrários. Há pessoas que dizem não obter êxito com nada que venha desta vertente a não ser dor de cabeça. Com o que se trabalha no marketing digital?

Com redes sociais, e-mail marketing – as famosas listas de e-mail – entre outras coisas. O marketing de afiliados é mais uma das possibilidades dentro do marketing digital. Mas como tudo isso funciona?

Com você representando um produto ou serviço na internet por meio de sua fan page, blog, site, minisite e etc.

Você simplesmente se afilia à uma plataforma de afiliados como Hotmart, por exemplo, e passa a ser um dos membros. É gratuito, por enquanto, e você só precisará fazer um cadastro.

Tudo muito simples. Para começar vão ser dadas a você opções para afiliação. Você escolhe o produto que deseja representar dentre os demais e pega um link que vai colocar em seus canais de comunicação.

Canais de comunicação são exatamente os blogs, fan page, sites e minisites que você porventura tenha.

O grande problema não consiste na afiliação em si, mas nos efeitos. Quando você se prontifica a trabalhar com marketing digital, você passa a trabalhar de casa mesmo e com os recursos que tenha.

Pena que não seja para muitos.

Certa vez no Facebook eu vi que existiu um rapaz que defendia a ferro e fogo o marketing digital dizendo que eu não sabia qual era a proposta do produto, por isso que não me dava bem com ele.

Nada disso! Passei 3 anos tentando meu lugar ao sol, fazendo publicidade paga no Facebook, Instagram e Adwords em vão. Nada disso para mim funcionou. Na real, não sei como essas pessoas conseguem ganhar rios de dinheiro investindo quase nada – como algumas dizem.

A verdade é que existe um caminho certo para cada um. Uns fazem vídeos para o You Tube, outros investem pesado no Instagram e outros até no Facebook, mas na real, o que não há é uma fórmula mágica. Algumas pessoas conseguem resultados expressivos, outras não.

E eu calhei de estar entre os que não conseguiram nada. Pra não dizer que não consegui nada absolutamente, eu consegui fazer uma venda apenas. Uma lástima!

Fiz uso de todo o aparato que pude, mas tudo foi em vão.

O marketing digital para mim foi como uma onda, uma marolinha que passou.

Tentei trabalhar com marketing de conteúdo então – que é mais uma das opções deste marketing.

No início tudo eram folhes. Cheguei a ganhar 3.000,00 reais em um mês muito bom. Fiz vários trabalhos de escrita e tenho tudo guardado. Fiz curso de SEO, copywriting, redação para web… e por aí vai.

Me cadastrei na workana e no 99freelas. Como sempre fui muito bem sucedida nas duas plataformas até que uma maré de azar vinhesse a me acometer.

Na workana você sabe que é bem restrito. Há as pessoas que conseguem se sobressair e há aquelas que só levam fumo. Eu comecei me sobressaindo, estava entre os melhores do ranking quando ganhei minha primeira penalidade por desistir de um projeto que não tinha condições de dar conta.

Um grande erro meu, mas quem não já desistiu de projetos sem fundamentos?

Daí em diante eu só me vi caindo no ranking por causa de uma ou outra coisa. Foi uma lástima!

Hoje eu estou praticamente impossibilitada de acessar a workana porque já tenho 5 violações ao todo. Parece pouco, mas não é.

E no 99freelas não tive muito êxito, porque a concorrência é gritantante. Mais parece que todo mundo agora quer ser redator freelancer. Esse é o bico que muitos fazem para ganhar um dinheirinho extra, mas para quem vive disto a coisa fica feia por conta da própria concorrência.

Ainda não tentei criar o meu próprio infoproduto, como muitos fazem, porque acho que não é para mim. Acho que para isso é preciso que você tenha mais conhecimento acerca do marketing digital do que nunca.

Fiz vários cursos, mas sempre na área de marketing de conteúdo. O que não ajuda muito. Cheguei a fazer a FNO – fórmula negócio online – o qual estou oferecendo para vocês aqui e foi muito bom, mas eu ainda prefiro trabalhar mais com marketing de conteúdo.

Para mim, escrever, apesar de alguns errinhos de português – ninguém é perfeito – é como se eu estivesse fazendo algo de que gosto muito. Por isso escrevo para vocês hoje minhas opiniões a respeito de tudo que me rodeia. Tenho um outro blog : lucelialira.com.br que também serve para outros assuntos, mas todos de pensamentos meus.

Mas você deve estar se perguntando: e aí, marketing digital serve ou não para mim?

Isso é muito pessoal. Aqui eu expus o que eu penso a respeito, mas você deve saber se funciona ou não funciona dependendo do que você empenha para a realização dos resultados.

Mas é possível ou não ter resultados quando o assunto é marketing digital?

Sim, é possível. Entretanto tem que se ralar muito para isso. E há também a questão do investimento inicial do qual ninguém fica ileso.

Se você pensa que vai entrar nessa sem gastar nem um centavo, pode tirar o cavalo da chuva, porque você vai.

Para se conseguir uma boa lista de e-mail é preciso que você invista e isso quer dizer dinheiro em caixa.

Não há quem entrou no marketing digital sem que antes tenha feito ao menos uma publicidadezinha paga.

Seja onde for, você vai ter que pagar para ver. E coisas como: você não está sabendo a proposta do produto, você não conhece o produto por inteiro, você não sabe como vender… esse tipo de comentário não vale quando você já tenha tentado de tudo.

Mas antes de sair por aí desistindo, tente, reinvente e tire suas próprias conclusões sozinho mesmo. Essa é a melhor forma de você saber se dá para você ou não.

Fazer comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *